CULTURA

135 anos da Filarmônica São Sebastião serão comemorados com concertos musicais
Banda teve sua fundação 41 anos antes de Belo Jardim ter se tornado cidade.


Imagem/Reprodução da internet

Para comemorar 135 anos de fundação, celebrados em 20 de janeiro, a Filarmônica São Sebastião, realiza dois concertos sinfônicos clássicos populares, em Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco. Durante as apresentações, a Banda homenageará maestros, colaboradores, músicos e diretores associados, sob as regências dos maestros Silvano Barbosa, Mozart Vieira e José Vieira Filho. Atualmente a banda tem 40 músicos.

Após o falecimento do maestro José Vieira de Souza, em 1964, os filhos Vieirinha, Doge, Joãozito e Vavá Vieira, deram continuidade ao trabalho dele na Filarmônica durante 70 anos. Desse período, o maestro Vavá Vieira, falecido em 2020, por complicações da Covid-19, dedicou 27 anos à regência da banda.

“A nossa família [Vieira], chegou à Belo Jardim há 70 anos, e temos muita alegria em afirmar que a partir do nosso trabalho na música, a população teve acesso a uma escola profissionalizante. Mais de 200 alunos bateram lição na Filarmônica São Sebastião e seguiram para as Forças Armadas. Me considero um felizardo em ter conseguido viver da música e ter o prazer de dizer que preparei alguém no mesmo caminho”, registrou Vieirinha, ao portal BJ1 Notícias. O músico trabalha há 37 anos na Fundação Nacional de Artes (Funarte) e chega à Belo Jardim nessa sexta-feira (7), para os preparativos dos concertos.

O primeiro concerto acontece na Paróquia de São Pedro e São Paulo Apóstolos, no bairro do São Pedro, no dia 18 de janeiro. O evento tem início às 20h. O concerto é restrito para convidados, que podem colaborar com a doação de um 1kg de alimento não perecível, revertidos em doação para instituições de caridade de Belo Jardim, segundo a organização. A segunda parte das comemorações, acontece no dia 19 de janeiro, às 19h, em frente à sede da Banda, também no bairro do São Pedro.

Ambos os concertos contarão com a participação especial da Banda dos Meninos de São Caetano, regida pelo músico e maestro Mozart Vieira. A organização orienta que as medidas sanitárias para evitar a transmissão da covid-19 sejam adotadas pelo público que irá prestigiar as apresentações.

“Me orgulho em dizer que continuo o legado de Mestre Vavá, com o seu amor pela música e a sua disciplina para formar bons profissionais. A ideia de realizar esse concerto partiu de Vieirinha. Estamos muito felizes em reunir os nossos músicos para prestar essa homenagem à nossa casa, que é a Filarmônica, e aos nossos maestros in memoriam”, registrou Silvano Barbosa, maestro titular da Filarmônica São Sebastião. A expectativa é que militares egressos da Banda também participem das apresentações.

UM POUCO DE HISTÓRIA

A Sociedade Filarmônica São Sebastião é uma das mais tradicionais e antigas bandas de música do interior pernambucano. Fundada em 20 de janeiro de 1887 por Tomaz Magalhães, na então Lagoa do Capim [primeiro nome de Belo Jardim]. A banda também se chamou “Filarmônica Recreativa”, até que em 1910, por sugestão do industrial José Albino Pimentel e do Padre João Carneiro, sociedade musical passou a se chamar “Filarmônica São Sebastião”, carregando o nome do Co-padroeiro da cidade. O aniversário da banda e o dia do santo mártir são celebrados no mesmo dia.



Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp

Participe do nosso grupo e canal do Telegram




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



CULTURA  |   17/12/2021 14h01





CULTURA  |   11/12/2021 06h18