POLÍTICA

Jornalista Magno Martins receberá título de cidadão belo-jardinense na próxima sexta-feira (05)
Proposição foi do vereador Claudemir de Xucuru e teve aprovação por unanimidade.


Imagem/Reprodução da internet

Belo Jardim acolhe o jornalista Magno Martins, na próxima sexta-feira, em sessão na Câmara Municipal, marcada para às 20 horas, como Cidadão Honorário. A iniciativa partiu do vereador Claudemir de Xucuru (Republicanos), com aprovação unânime dos seus colegas de parlamento.
 
“É um reconhecimento ao meu jornalismo plural, em defesa da sociedade como um todo, marcado principalmente em abraçar causas do Interior, esquecido pela mídia e até discriminado quando focado em algumas ocasiões”. Disse Magno

Natural de Afogados da Ingazeira, ingressou na área como correspondente do Diario de Pernambuco em sua terra natal. Após concluir o curso de Jornalismo pela Unicap, em 1984, chegou em Brasília de mala e cuia. Prestou serviços inicialmente ao jornal O Globo, depois foi contratado pelo Correio Braziliense e em seguida passou por várias redações, entre as quais o do Jornal de Brasília, Última Hora, Agência O Globo e Agência Meridional. 

Abriu a sucursal do Diario de Pernambuco em Brasília, a Agência Nordeste, a primeira em tempo real regionalizada no Planalto, e, por dois anos, presidiu o Comitê de Imprensa da Câmara dos Deputados. Ao longo dos últimos 40 anos, esteve presente na cobertura dos principais fatos que marcaram a vida nacional, da redemocratização aos dias atuais de muita turbulência no cenário político.

Isso inclui as Diretas Já, a eleição indireta de Tancredo Neves, o Governo Sarney, que marcou a transição, a primeira eleição direta para presidente, marcada pelo duelo Lula X Collor, o Governo Collor, o impeachment de Collor, o Governo Itamar Franco, a era FHC, os governos Lula e Dilma, além do impeachment de Dilma, a Constituinte e a revisão da Constituinte.

É autor de sete livros: “O Nordeste que deu certo”, “O Lixo do Poder”, “A derrota não anunciada”, “Reféns da Seca”, “Perto do Coração”, “Histórias de Repórter” e “A dor da pandemia”. Entre tantas causas que estou permanentemente aliado aos leitores do Interior, denúncias sobre a indústria da seca, o abandono das estradas, ampliação dos programas sociais, tese que inspirou as andanças para escrever o livro “Reféns da Seca”, melhoria e ampliação do ensino universitário. 
 
“Acompanho o trabalho de Magno tem mais de 20 anos e sei da sua dedicação e preocupação com as causas de Pernambuco, especialmente de nós que moramos no Interior”, diz o autor do título. Integrante do distrito Xucuru, Claudemir Paulino foi o segundo vereador mais votado em Belo Jardim.



Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp

Participe do nosso grupo e canal do Telegram




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



POLÍTICA  |   23/01/2022 20h48





POLÍTICA  |   21/01/2022 23h43