POLÍCIA

Médico formado na Bolívia e sem registro no Brasil, atendia em Cachoeirinha usando CRM de médico brasileiro
Ele foi conduzido a Delegacia de Plantão em Belo Jardim.


Imagem/Reprodução da internet

Hoje (28), o efetivo da GT 15231 quando em rondas e abordagens durante a Operação Madrugada Segura, no Centro de Cachoeirinha, Agreste de Pernambuco, recebeu informações que um médico estaria exercendo ilegalmente sua função no hospital municipal daquela cidade.

Ao verificar o fato, foi constatado que o envolvido E. B. E. F., 35 anos, residente em Caruaru, também no Agreste, era formado na Bolívia, porém por não possuía registro para atuar no Brasil e estava utilizando nome e CRM de outro médico brasileiro.

Diante dos fatos, o envolvido foi apresentado na Delegacia de Plantão, em Belo Jardim, para serem tomadas as medidas cabíveis, resultado em Inquérito por Portaria.



Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp

Participe do nosso grupo e canal do Telegram




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



POLÍCIA  |   25/01/2022 01h13





POLÍCIA  |   20/01/2022 11h29


POLÍCIA  |   10/01/2022 20h48